Instruções para o HeadNode:

1. Instale o Matlab e lembre-se da pasta em que este foi instalado.

2. Crie uma pasta que será compartilhada por NFS, de preferência na sua home.

3. Baixe MatlabMPI do link, a pasta criada.

4. Descompacte o MatlabMPI na pasta compartilhada.

5. Abra ou crie o arquivo startup.m na pasta aonde foi instalado o matlab e inclua a linha:

addpath PASTA_NFS/MatlabMPI/src

onde PASTANFS_ é a pasta compartilhada por NFS (item 2).

6. Pare qualquer Firewall que esteja rodando (iptables, firestarter, etc) ou tenha certeza que ele não esteja bloqueando qualquer tráfego do NFS ou do SSH.

7. Agora como root edite o arquivo /etc/exports. Você pode incluir uma linha para cada computador da rede ou incluir uma linha indicando a faixa de IP de todos os computadores. Optamos pela segunda opção. No nosso caso incluímos a linha:

/home/user/PASTA_NFS 192.168.0.*(rw,no_root_squash,sync)

A primeira parte é a pasta compartilhada (criada no item 2), a segunda são os IPs que terão acesso à pasta. Pode ser o nome da máquina na rede também. O * significa que IPs de qualquer terminação terão acesso, no caso, todas as máquinas da rede. Depois são dados de configuração.

8. Agora abra o arquivo MatMPICommsettings.m que está dentro da pasta MatlabMPI/src e no item machine_db_settings.remote_launch mude de rsh para ssh. O item está na linha 40 do arquivo.

9. Agora execute o comando “ssh-keygen -t rsa” no terminal como usuário comum. Este comando irá gerar dois arquivos: iddsa e iddsa.pub que por padrão serão armazenados na pasta .ssh da sua home. Envie por ssh o id_dsa.pub para todas as máquinas que serão SlaveNodes na pasta $HOME/.ssh com o comando:

scp id_rsa.pub usuario@IP_SLAVE_NODE:~/.ssh/

10. Agora abra o Matlab e execute o comando “help MatlabMPI”. Se não aparecer um texto de ajuda do Matlab MPI é por que ele não está funcionando. Verifique se a pasta colocada no startup.m está errada.

11. Agora é preciso reiniciar o servidor NFS para que ele use as novas configurações. O comando para isso varia de distribuição para distribuição. No kurumin seria:

/etc/init.d/nfs-kernel-server restart

No Fedora seria:

/etc/init.d/nfs restart

Se nenhum dos comandos funcionou e você não conhecer bem Linux, uma maneira simples é reiniciar o computador. Você pode reiniciar enquanto vai configurar seus SlaveNodes.

Last edited Nov 23, 2006 at 1:32 PM by cesarbrod, version 2

Comments

No comments yet.